Radio Caxias - Legislativo   13/09/2017 | 15h18     Atualizado em 13/09/2017 | 15h29

FacebookTwitterPinterestGoogle+LinkedIn

Denúncia de quebra de decoro parlamentar contra Renato Nunes deve ser votada na próxima semana

Vereador Renato Nunes. Foto: Divulgação/Câmara
Vereador Renato Nunes. Foto: Divulgação/Câmara
A denúncia foi protocolada pelo vereador Rafael Bueno (PDT). Conforme o parlamentar, Renato Nunes (PR) teria ameaçado ele no interior do Legislativo. A representação também inclui o assessor do republicano, Fábio Campelo. Rafael afirma que o servidor tentou intimidar ele, durante pronunciamentos na tribuna da Câmara contra o prefeito de Caxias do Sul, Daniel Guerra (PRB).

O documento foi encaminhado à Comissão de Ética do Legislativo. A presidente do grupo de trabalho, Gladis Frizzo (PMDB), enviou a documentação para parecer da Procuradoria Jurídica da Casa. O órgão considerou que o processo tem fundamento jurídico e deve ter seguimento. 

Conforme Gladis, a Comissão deve levar a plenário, ainda na próxima semana, a admissibilidade da denúncia contra Renato Nunes.  

Cada fase da investigação tem prazo de cinco sessões ordinárias da Câmara. O resultado do trabalho culminará em um relatório, que será levado à votação interna na Subcomissão. Se aprovado, o texto será votado em plenário. A denúncia foi protocolada no dia 10 de agosto.

Comentários

Carregar mais comentários Comentar notícia