Spaço FM - Farroupilha   10/08/2017 | 18h54     Atualizado em 10/08/2017 | 18h49

FacebookTwitterPinterestGoogle+LinkedIn

Polícia Civil e peritos realizam reconstituição do caso de homem encontrado morto em milharal

Gilberto Flores, de 36 anos, foi morto com tiro em março do ano passado

O Departamento de Perícia e a Polícia Civil juntamente com o delegado Rodrigo Moralle fizeram uma reconstituição nesta quinta-feira, 10, do caso do homem encontrado morto em um milharal na Linha São Luiz, em 13 de março do ano passado. Gilberto Flores, de 36 anos, estaria passeando com o cunhado e uma criança de 13 anos no local onde costumavam buscar castanhas, quando aconteceram os disparos. Conforme informações, eles não sabiam que era uma propriedade privada.  Na época do crime, o advogado do principal suspeito garantiu que o homem não teve nenhum envolvimento, já que, segundo ele, o homem teria uma propriedade a 1.500 metros de distância do milharal e não teria arma de fogo. 

Comentários

Carregar mais comentários Comentar notícia